Mafalda Moutinho – uma autora Transmontana de literatura juvenil

Escreve: Fernando Goncalves Rosa

Uma nota da Amazon falava do lançamento do livro “The Book of Secrets” (A Lenda do Livro dos Segredos) da autoria de Mafalda Moutinho que foca a importância da leitura.

Mafalda Moutinho apesar de ter nascido em Lisboa tem as suas raízes em Trás-os-Montes de onde o seu pai e oriundo. Presentemente vive na Itália e esta “Lenda dos Livro dos Segredos” e o 17º volume da Coleccao Os Primos.

Já la vão uns anos que a conheci. Foi no mês de Junho durante a Feira Internacional do Livro que o meu irmão José, advogado e a residir em Lisboa, me levou a essa feira que ocupava espaço no Parque Eduardo VII, um parque enorme em forma de retângulo que ocupa cerca de 26 hectares (64 acres) em frente da rotunda que tem a estatua do Marques de Pombal, la no alto para se ver bem, com os seus enormes leões.

Encontramos a Mafalda falando com os seus leitores, clientes, apresentando os seus trabalhos, dando autógrafos e falando da coletânea dos Primos, que já vai em 17 volumes. 

Iniciou-se a escrever em 2004, os seus trabalhos fazem parte do Plano Nacional Português de Leitura e segundo Amazon e considerada “ uma das mais significantes autores em recente literatura juvenil Portuguesa”.

Licenciou-se no Instituto Superior de Ciências, tirou mestrada em Londres e disse-nos que era mulher o mundo pois já tinha vivido ou viajado para imensos lugares para fazer a pesquiza para os seus livros que são parte historia e parte fantasia. O seu livro de 2021 esta no prelo e deve ser lançado no fim do Verão de 2021 com o titulo “O Segredo do Velho Palacete”, será o numero 18o da coleccao.

O parque Eduardo VII leva o nome do Rei Inglês que visitou Lisboa em 1903, previamente chamava-se Parque da Liberdade (gosto mais desse nome- ai parece haver muita liberdade e actividades) e foi redesenhado pelo arquitecto Francisco Keil de Andrade em 1945 em termos modernísticos.

No retângulo localizado numa das colina da cidade que tem sete, encontramos do sul essa gigantesca estatua do Marques a dominar a rotunda e do lado norte deparamos com um enorme bandeira que um dos transeuntes nos tentou explicar que era a maior bandeira portuguesa do mundo (que e grande e!). Essa mesma bandeira faz parte do monumento da liberdade que relembra o 25 de Abril, com 4 enormes colunas, pedras e um pequeno lago, na Alameda Cardeal Cerejeira. Deste miradouro disfruta-se de uma das mais magnificas e espectaculares vistas de toda a Lisboa, deixando os nossos olhos divagar ate ao Rio Tejo levando-nos lentamente pela Avenida da Liberdade em direccao ao rio e desviando periodicamente pelo aos outros bairros. No parque existem varias estufas e um excelente restaurante, onde disfrutamos de um excelente almoço e serviço. Ao pé do Marques foi construído um túnel com o mesmo nome que liga as Amoreiras.

O parque com os seus desenhos de jardinagem espectaculares, visíveis e reconhecidos em toda a Lisboa e limitado por quatro avenidas: Sidónio Pais, onde se encontra o Pavilhão Carlos Lopes, Rua Castilho e as Alameda Edgar Cardoso e Cardeal Cerejeira, e usado para muitas actividades mas especialmente na época natalícia apresenta uma decoração e milhares de luzes em vários formatos muitas actividades

Na feira do Livro, no Parque Edward VII conheci a Mafalda Moutinho autora prolifera excelente conversadora, conhecedora de meio mundo (o que deixou com ciúmes) simpática e tal como me foi informado “Afilhada do seu irmão” e “ uma das mais significantes autores em recente literatura juvenil Portuguesa”. E filha do trasmontano Abel Luis Fontoura Moutinho.

Septembro 1, 2021

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: